Presidente Wellington Araújo entrega cadeiras de rodas para os cartórios eleitorais

Ações de acessibilidade

Entrega-das-cadeiras-de-rodas
Seguindo  todas as normas de enfrentamento à Covid-19, o Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM) realizou uma cerimônia no seu Plenário, sexta-feira, 16/07, para a entrega aos cartórios eleitorais, simbolicamente, de 70 cadeiras de rodas adquiridas pelo Núcleo de Sustentabilidade, dentro do Projeto de Acessibilidade. A entrega foi feita pelo Desembargador Wellington José de Araújo, Presidente da Corte Eleitoral amazonense. Em seu discurso, o Desembargador Wellington afirmou que essa iniciativa é uma "solidariedade"  para que, pessoas com deficiência física ou provisoriamente impossibilitadas de andar, consigam se locomover com dignidade. Ao agradecer o empenho dos servidores envolvidos nesse trabalho, o Presidente disse que seu antecessor no cargo, o Desembargador Aristóteles de Lima Thury, que faleceu em fevereiro passado, já estava envolvido na execução dessa proposta. "É um projeto que merece apoio e vamos continuar para que o Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas esteja na vanguarda.", afirmou o Presidente.
Participaram da solenidade o Diretor-Geral João Victor Pereira Martins da Silva; o Secretário Judiciário, Almir Lopes da Silva; o Secretário de Gestão Pessoas, Wesley Sirlam Lima de Aguiar;  o o Secretário de Tecnologia da Informação, Sírio Góes Vasconcelos; a Coordenadora de Material e Patrimônio, Mídian Abidon Siqueira; a Coordenadora de Assistência Médica e Social, Caroline Ribeiro Frota Moreira; o Assessor Jurídico da Presidência, Matheus Diniz Santos Ribeiro, os Assessores da Vice-Presidência e Corregedoria Olívia Silva e Ivan Carneiro; os Senhores Mateus Alves Silva, chefe do Cartório da 24ª Zona Eleitoral (Itapiranga) e Laura Rafaela Curtarelli dos Santos, chefe do Cartório Eleitoral de Tefé. Também esteve presente a Senhora Moramay Araújo, esposa do Desembargador Wellington. 
     
 
Ações de acessibilidade
 
O Conselho Nacional de Justiça (CNJ) publicou a Resolução nº 401/2021 que dispõe sobre o desenvolvimento de diretrizes de acessibilidade e inclusão de pessoas com deficiência nos órgãos do Poder Judiciário e de seus serviços auxiliares, e regulamenta o funcionamento de unidades de acessibilidade e inclusão. A Resolução determina que, para promover a igualdade, devem ser adotadas medidas apropriadas para eliminar e prevenir quaisquer barreiras urbanísticas ou arquitetônicas, de mobiliários, de acesso aos transportes, nas comunicações e na informação, atitudinais ou tecnológicas. 

Últimas notícias postadas

Recentes