Mirza Telma é empossada como desembargadora eleitoral

A Magistrada passa a ocupar vaga de membro suplente da Classe dos Juízes,

Posse Mirza Telma como Membro TRE-AM

A magistrada Mirza Telma de Oliveira Cunha tomou posse na tarde desta segunda-feira (11) como juíza suplente do Tribunal Regional Eleitoral do Amazonas (TRE-AM), para o biênio que encerra em 2021. O ato solene ocorreu no Gabinete da Presidência, e se deu na presença de membros do pleno, outras autoridades, amigos e familiares.

A cerimônia foi aberta pelo Presidente do Tribunal, desembargador João Simões, que deu posse e saudou a juíza, desejando-lhe boas-vindas: “Não podemos deixar de fazer um registo do trabalho da Dra. Mirza Telma, particularmente na área criminal do Tribunal do Júri. Saiba que a senhora está chegando num bom momento. O Tribunal melhora cada vez mais, não apenas procedimentos (e prova disso é o 3º lugar no ranking nacional da transparência), mas também na qualidade dos membros que integram esta Corte”. Mais adiante, pontuou: “Declaro empossada a nova juíza membro para integrar a corte deste egrégio Tribunal”.

Em seguida, o Vice-Presidente, desembargador Aristóteles Thury, fez o discurso que recepcionou a nova integrante. “Fui agraciado com a honra de saudá-la. É com muita felicidade que todos desta Corte lhe damos as boas-vindas. O ingresso de Vossa Excelência neste tribunal, com toda certeza é uma valiosa aquisição para o TRE do Amazonas. Vossa excelência pode contar com todo apoio que necessitar. Estamos de braços abertos para recebê-la”.

Durante a solenidade, a magistrada falou, em apertada síntese, sobre o que espera encontrar enquanto integrar o Regional do Amazonas: “Serão dois anos de muito trabalho, aproveitamento, troca de ideias e respeito. Tenho certeza de que posso contar com a expediência dos colegas”.

Trajetória

Mirza Telma de Oliveira Cunha ingressou na magistratura no ano de 1989 e, em sua trajetória como juíza, atuou como titular das Comarcas de Santo Antônio do Içá; Beruri e Novo Airão. No interior do Estado respondeu, também, pelas Comarcas de São Paulo de Olivença, do Careiro Castanho e de Barcelos.

Foi promovida, pelo critério de Merecimento, para a Comarca de Manaus no ano de 1995 e, na capital, atuou como titular da 4.ª Vara Criminal, do Juizado Especial Criminal, da 1.ª Vara do Tribunal do Júri e, mais recentemente, da Vara de Registros Públicos e Usucapião.

Ainda em Manaus, foi por duas vezes juíza titular no Tribunal Regional Eleitoral (na 31.ª e 40.ª zonas eleitorais) e atuou, também, como juíza da propaganda eleitoral.

No Tribunal de Justiça do Amazonas compôs, por cinco vezes, a Turma Recursal dos Juizados Especiais e respondeu pelo gabinete do então desembargador Rafael Romano (em razão de sua aposentadoria) até este ser substituído pela desembargadora Nélia Caminha Jorge.

Mirza Telma de Oliveira Cunha é formada em Direito, pela Universidade Federal do Amazonas (no ano de 1986); pós-graduada em Direito Penal e Processual Penal, pela Instituto Brasileiro de Ciências Criminais/Ufam; pós-graduada em Direito Civil e Processo Civil (Ciesa) e, atualmente, cursa pós-graduação em Direito Constitucional (Esmam).

Últimas notícias postadas

Recentes